Poupança na cozinha

A poupança começa muitas vezes na cozinha. Quase todos nós cometemos erros que originam desperdícios.

Aprender como poupar na cozinha permite reduzir os custos mensais com a alimentação e pode até ajudar a descobrir novos pratos e quem sabe, abrir as portas para uma nova forma de cozinhar.

Para ajudá-lo a poupar, o Nvalores reuniu algumas dicas de poupança na cozinha, que prometem ajudar a reduzir de forma significativa o seu orçamento dedicado à alimentação.

10 Dicas de Poupança na Cozinha

  • 1. Opte por comprar a carne ao quilo e não embalada. Apesar de ser mais prática e de permitir evitar as filas no talho, a carne embalada fica substancialmente mais cara.
  • 2. Em vez de comprar bifes de frango, opte por comprar um frango inteiro e peça para cortar. Não só vai ficar com mais refeições, como pagará muito menos pelos bifes de frango. O peito de frango chega a custar o triplo do que custa um frango inteiro.
  • 3. Se compra frequentemente bacalhau, pode poupar se comprar este produto já desfiado. Também pode alcançar uma poupança substancial se substituir o bacalhau pelo paloco, uma alternativa bastante similar em sabor, mas consideravelmente mais barata.
  • 4. Poupar na cozinha implica utilizar a imaginação. Em vez de deitar fora o pão duro, pode utilizá-lo de diversas formas. As utilizações mais tradicionais são fazer sopas ou utilizar o pão duro para torradas, mas também pode fazer entradas e sobremesas. Se tiver um pouco de paciência, pode fazer pão ralado caseiro, adicionado especiarias ou queijo parmesão.
  • 5. Uma das regras essenciais da poupança na cozinha é não comprar refeições preparadas. É certo que estas refeições permitem poupar tempo, mas acabam por ficar bastante caras e geralmente não são ricas em quantidade.
  • 6. Se um dos seus problemas é a falta de tempo para cozinha, escolha um dia em que tem mais disponibilidade (por exemplo, durante o fim-de-semana) e faça o planeamento e a confeção das refeições para toda a semana. Depois é só cozinhar e descongelar quando necessário.
  • 7. As conservas estão na moda e permitem poupar na cozinha. Portugal é um país com uma enorme tradição no que diz respeito à indústria conserveira. Atum, petingas, sardinhas, anchovas, cavala, lampreia, polvo, ovas, lulas, lampreia, as opções são imensas e variadas. Com as conservas podem confecionar refeições rápidas mas incrivelmente saborosas.
  • 8. Aposte nas sopas. Para atingir um bom nível de poupança na cozina deve fazer sopas frequentemente. Começar as refeições com uma sopa é saudável, nutritivo e ajuda a saciar a fome para o resto da refeição.
  • 9. Para poupar na conta do supermercado opte por comprar os produtos a granel. Os produtos embalados são mais caros e quando são processados pagam um IVA mais alto.
  • 10. Aproveite as sobras preparando novas refeições com a comida que sobrou. Existem mil e uma formas de aproveitar os alimentos que sobraram de uma refeição.

Se começar a implementar estas dicas de poupança na cozinha, vai conseguir reduzir rapidamente as suas despesas mensais com a alimentação.

Veja A Nossa Sugestão

Autor: Ricardo Rodrigues

 

CEO e Fundador da RRNValores Unipessoal, Lda, Ricardo Rodrigues gere uma equipa formada por consultores, criadores de conteúdos e programadores que desenvolvem e mantêm uma plataforma gratuita com informação e comparação de produtos bancários.

Formado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (ISEL) e apaixonado pela área Financeira, criou o nvalores.pt em Agosto de 2013 com a missão de garantir uma comparação independente de produtos bancários em Portugal.

Exerceu funções de consultor financeiro independente na Empresa Maxfinance, nomeadamente assessoria na obtenção de crédito pessoal, crédito consolidado, crédito automóvel, cartões de crédito, crédito hipotecário, leasing, seguros e aplicações financeiras.

Email: geral@nvalores.pt