Índice de Desenvolvimento Humano

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é uma medida utilizada para comparar os países segundo o seu grau de desenvolvimento humano.

O IDH classifica os países em três escalões:

  • Desenvolvidos – São países que apresentam um desenvolvimento humano muito elevado;
  • Em Desenvolvimento – São países com um desenvolvimento humano entre o médio e o elevado;
  • Subdesenvolvidos – São países que apresentam um desenvolvimento humano baixo.

Para determinar o Índice de Desenvolvimento Humano são usados diversos indicadores como a expectativa de vida ao nascer, PIB per capita e educação, referentes a cada país.

O IDH classifica anualmente todos os países que são membros da ONU, utilizando estes indicadores. Organizações locais e empresas também utilizam o IDH para quantificar o desenvolvimento de regiões, cidades ou de outras localidades.

O Índice de Desenvolvimento Humano foi criado por um economista paquistanês e por um economista indiano, respetivamente Mahbub ul Haq e Amartya Sen, em 1990, com o objetivo de ser utilizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento no âmbito dos seus relatórios anuais.

O Principal Objetivo do Índice de Desenvolvimento Humano

Segundo Mahbub ul Haq, o principal mentor do IDH, a criação deste índice teve como principal objetivo retirar o ênfase do desenvolvimento económico e centrar atenções nas políticas orientadas para as pessoas.

Esta ideia foi depois desenvolvida por Amartya Sen, que criou o quadro subjacente ao IDH.

Simplificando, o Índice de Desenvolvimento Humano foi criado com o intuito de alertar os políticos, os economistas, os estudiosos e a opinião pública relativamente à necessidade de centrar os seus esforços na melhoria das condições de vida da população.

Os Atuais Critérios de Avaliação

Este índice tem sofrido diversas alterações ao longo dos anos. A última alteração decorreu em 2010, data a partir do qual o IDH passou a focar-se em três parâmetros:

  • Expetativa de Vida ao Nascer;
  • Duração dos Estudos e Anos Expectáveis de Escolaridade;
  • Um padrão de vida aceitável: PIB per capita.

A Realidade Portuguesa

Em 2014, Portugal manteve o 41º lugar (entre 187 países) no Índice de Desenvolvimento Humano, classificação que já havia alcançado no ano anterior. Desde 2008, o país registou uma subida de três lugares.

Contudo, no seu relatório a Organização das Nações Unidas (ONU) revela preocupação relativamente à realidade atual de Portugal. A ONU teme que cortes acentuados que o Governo português tem aplicado em setores como a saúde e educação possam resultar num retrocesso no processo evolutivo do país.

Portugal continua a inserir-se entre os países que contam com um nível de desenvolvimento “muito elevado”. Abaixo deste ranking existem ainda os níveis “elevado”, “médio” e “baixo”.

Os resultados obtidos por Portugal no Índice de Desenvolvimento Humano devem-se sobretudo à elevada esperança média de vida (atualmente nos 79,9 anos), à diminuição da mortalidade infantil, às taxas de literacia e ao programa de vacinação.

Pela negativa, destacam-se fatores como a elevada taxa de desemprego, os problemas laborais e o desinvestimento público em áreas com a educação e a saúde.

Extremos do IDH

A lista do IDH é liderada pela Noruega, seguindo-se a Austrália, Suíça, Holanda e Estados Unidos. No top 10 encontramos um total de 5 países europeus, surgindo além dos países já citados, a Alemanha em 6º e a Dinamarca em 10º.

No extremo oposto da lista do IDH encontram-se sobretudo países africanos, um o Níger a ocupar a última posição, acompanhado de perto por países como o Congo, República Centro-Africana, Chade e Serra Leoa.

Os países lusófonos surgem espalhados um pouco por toda a lista: Brasil em 79º (Nível de Desenvolvimento Elevado); Cabo Verde em 123º, Timor Leste em 128º e São Tomé e Príncipe em 144º (Nível de Desenvolvimento Médio), Angola em 149º, Guiné Bissau em 177º e Moçambique em 178º (Nível de Desenvolvimento Baixo).

[fusion_builder_container hundred_percent=”yes” overflow=”visible”][fusion_builder_row][fusion_builder_column type=”1_1″ background_position=”left top” background_color=”” border_size=”” border_color=”” border_style=”solid” spacing=”yes” background_image=”” background_repeat=”no-repeat” padding=”” margin_top=”0px” margin_bottom=”0px” class=”” id=”” animation_type=”” animation_speed=”0.3″ animation_direction=”left” hide_on_mobile=”no” center_content=”no” min_height=”none”]
 Índice de Desenvolvimento Humano de 2013 publicado em 2014

IDH – Dados de 2013 publicado em 2014

  acima de 0,900
  0,850–0,899
  0,800–0,849
  0,750–0,799
  0,700–0,749
  0,650–0,699
  0,600–0,649
  0,550–0,599
  0,500–0,549
  0,450–0,499
  0,400–0,449
  0,350–0,399
  0,300–0,349
  abaixo de 0,300
  Sem dados
[/fusion_builder_column][/fusion_builder_row][/fusion_builder_container]

Assuntos

Faça a sua simulação e compare

Artigos recentes