Simulador de crédito pessoal 2017-09-12T22:59:31+00:00

Crédito Pessoal

Preencha o simulador de crédito pessoal e fale com um Consultor Financeiro.

Rápido, fácil e gratuito!

Crédito Pessoal

Preencha o simulador de crédito pessoal e fale com o Consultor Financeiro.

Rápido, fácil e gratuito!

 Preencha o simulador online e aguarde o nosso contacto.

Conheça as nossas vantagens

  • Comparamos todos os bancos e entidades financeiras em Portugal, de acordo com o seu perfil financeiro

  • Tenha acesso gratuito a um Consultor Financeiro dedicado, que o vai acompanhar em todo o processo.

  • Análise independente e imparcial de todos os produtos financeiros

  • Não precisa sair de casa

  • Condições do empréstimo pessoal: Montante de 1.000€ a 50.000€, prazos de 12 a 120 meses e TAN desde 7,49%.

ligue agora: 936 119 671
e-mail: geral@nvalores.pt

Documentação necessária para análise

  • Extratos bancários dos últimos 3 meses

  • Cartão de Cidadão

  • Comprovativo de NIB e Morada

Instituições financeiras e bancos com crédito pessoal em Portugal

  • Cofidis

  • Unibanco

  • Credibom

  • Cetelem

  • ActivoBank

  • Banco Santander Totta

  • Caixa Geral de Depósitos

  • Bankinter

  • Montepio

  • Banco CTT

  • BPI

  • Novo Banco

  • Banco BIC

  • Crédito Agrícola

  • Millennium bcp

  • Deutsche Bank

  • Montepio Crédito

  • Oney

  • Abanca

  • Banco Best

Como fazer o pedido?

Simule

Preencha o nosso simulador online e aguarde o nosso contacto, por email ou telefone. Ou faça o download do formulário e siga as instruções.

Envie

Envie toda a documentação solicitada por email, para analisarmos e escolhermos a uma solução adaptada ao seu perfil.

Receba

Receba o contrato, no seu email, assine  e envie para a nossa morada. Depois é só aguardar 24 a 48 horas para ter o dinheiro disponível na sua conta.

Outros créditos pessoais disponíveis no NValores

Obras e Mobiliário

Para quem quer remodelar a casa e precisa de crédito pessoal rápido faça o seu pedido no nosso simulador.

Simular

Crédito Automóvel

Para quem quer comprar um carro novo ou usado e precisa de um empréstimo rápido, faça o seu pedido no nosso simulador de crédito automóvel.

Simular

Crédito Consolidado

Tem outros créditos? Junte todos num só e pague menos 60% todos os meses. Faça o seu pedido no nosso simulador de crédito consolidado.

Simular

Peça crédito pessoal online a várias entidades de uma só vez com condições adaptadas à sua carteira. Fuja da burocracia e experimente o NValores sem sair de casa.

O acesso ao crédito pessoal deve ser responsável

Antes de avançar para o pedido de crédito pessoal deve ponderar bem relativamente à sua decisão. Qualquer pedido de crédito deve ser feito de forma consciente e ponderada.

O NValores faz um esforço considerável para contribuir para elevar o grau de cultura financeira dos nossos clientes, mas é indispensável que cada pessoa realize a sua própria análise antes de avançar com um pedido de empréstimo pessoal.

É fundamental que cada pessoa tenha noção do seu equilíbrio mensal, conhecendo de forma profunda os seus rendimentos e as despesas regulares. Apenas tendo um bom conhecimento sobre dados é possível avançar de forma consciente para um crédito.

Os nossos parceiros realizam uma análise cuidada, por forma a auferir a sua capacidade de manter o seu orçamento equilibrado e com o objetivo de determinar qual é o melhor crédito para o seu orçamento.

Vantagens do crédito pessoal

A maior vantagem de um crédito pessoal é que tem o dinheiro de que precisa e poderá gastá-lo da forma que entender. Algumas coisas, simplesmente não podem esperar e imprevistos acontecem. Isto é especialmente verdade para situações urgentes com a sua casa, automóvel, saúde.

Os créditos pessoais não são apenas para emergências, no entanto, sempre que precisar de dinheiro rápido, pode fazê-lo! O reembolso será em parcelas mensais.Candidatar-se a um crédito pessoal pode ser a solução para si!As instituições financeiras oferecem as menores taxas de juros disponíveis para os seus produtos de crédito pessoal.

Todos estes empréstimos têm pagamentos mensais fixos.O seu histórico de crédito não é perfeito?Fazer os pagamentos dentro dos prazos estipulados, pode ajudar a melhorar a sua notação de crédito. Isso aumenta a probabilidade de ser aprovado para um crédito maior, ou pode levar a uma menor taxa de juros no empréstimo.

Pode usar as ferramentas disponíveis através do site do NValores, para determinar se um empréstimo pessoal é a escolha certa para si e para a sua saúde financeira. Não há nenhuma razão para deslocar-se a um banco, nem mesmo sair de casa. Em vez disso, pode candidatar-se online e ter aprovação dentro de 48 horas, após enviar toda a documentação.

Perguntas Frequentes

Por forma a ajudar os nossos leitores a dissiparem todas as dúvidas que ainda possam ter sobre crédito pessoal, preparámos um conjunto de perguntas e respostas frequentes sobre este tipo de empréstimo.

O crédito pessoal é um empréstimo que pode ser utilizado para a aquisição de qualquer tipo de bem ou serviço. É um crédito que permite ampla liberdade de utilização, já que pode ser utilizado para pagar férias, comprar qualquer tipo de bem de consumo, viagens, remodelações de casa, etc.

Um crédito pessoal pode servir para comprar um bem para utilização pessoa, como um computador, ou um novo smartphone, como pode ajudar a financiar obras em casa ou até para fazer uma viagem.

O crédito pessoal enquadra-se no regime do crédito aos consumidores, o qual determina um conjunto de regras e diretrizes que todas as instituições devem seguir quando concedem este tipo de empréstimos.

Uma das regras mais determinantes implica a imposição de taxas máximas. Esta norma garante que as taxas anuais de encargos efetivas globais (TAEG) não podem ultrapassar o valor máximo determinado pela lei.

Uma vez que as taxas máximas dos créditos são determinadas consoante a finalidade do empréstimo, pode ser útil informar a instituição sobre qual será o objetivo do crédito.

Créditos direcionados para o pagamento de estudos, para pagar despesas de saúde ou para comprar equipamentos de energias renováveis têm acesso a taxas mais baixas.

O crédito pessoal é apelativo devido à sua simplicidade e devido ao facto de poder ser utilizado como mais lhe convém. O montante total do crédito e o prazo de pagamento são desde logo estipulados e estão presentes no contrato.
Regra geral, quando pretende subscrever um crédito pessoal numa entidade financeira que não é a sua, não tem que abrir uma nova conta. Após aprovação do pedido de crédito pessoal, o dinheiro solicitado é transferido para a conta bancária que indicar.

Os montantes mínimos e máximos associados a cada contrato de crédito pessoal variam de entidade financeira para entidade financeira. Para apurar quais os montantes a que poderá ter acesso através de um crédito pessoal deve consultar a FIN (Ficha de Informação Normalizada) do produto.
Ainda assim, podemos referir que geralmente os montantes do crédito podem ir de 1.000€ a 75.000€.

Mais uma vez realçamos que cada entidade financeira pode fazer as suas próprias exigências, em termos de documentação. Mas habitualmente, a documentação que lhe será solicitada inclui:

  • Fotocópia do B.I. ou do Cartão de Cidadão;
  • Fotocópia do cartão de contribuinte;
  • Contrato devidamente assinado conforme documento de identificação;
  • Última declaração de IRS;
  • Comprovativo de NIB;
  • Recibos de rendimentos dos últimos 3 meses;
  • Extratos bancário dos últimos 3 meses;

Para solicitar o seu crédito pessoal deve reunir o seguinte conjunto de documentos:

Documentos de identificação dos titulares

  • Cidadãos com nacionalidade portuguesa – Cartão de Cidadão ou Bilhete de Identidade; Cartão de Contribuinte
  • Cidadãos com outra nacionalidade – Autorização de residência

Nota: Verifique sempre se os documentos enviados estão dentro do prazo de validade

Comprovativo de morada de um dos titulares

Pelo menos um dos titulares deve enviar um comprovativo de morada. Os documentos aceites como comprovativos de morada incluem: faturas de serviços como luz, telefone, gás, água ou de serviço de tv por cabo.

Comprovativos de rendimentos

O titular ou titulares devem também enviar os seguintes documentos para comprovarem os seus rendimentos:

  • Trabalhadores por conta de outrem: Recibos de vencimentos dos últimos 3 meses.
  • Trabalhadores por conta própria: Última declaração de IRS entregue
  • Reformados: Documento comprovativo de reforma

Comprovativo do IBAN de um dos titulares

Para confirmar o IBAN, pode enviar:

  • Comprovativo de IBAN impresso através do site da sua instituição bancária
  • Talão do multibanco com IBAN acompanha de cópia do cartão multibanco

Para que todo o processo corra da forma mais rápida possível, deve verificar se o seu pedido de crédito pessoal é acompanhado por todos estes documentos.

Taxa Anual Nominal ou TAN é a taxa que aplicada a um certo capital, produz ao longo de um certo período, um determinando montante conhecido por juro.

Taxa Anual Efetiva Global ou TAEG representa o custo total do crédito para o consumidor e é apresentada em percentagem anual do montante facultado. No cálculo da TAEG são incluídos custos como seguros de vida, impostos, comissões e despesas diversas.

No contexto do crédito pessoal, um plano de pagamentos é uma projeção temporal dos pagamentos que serão realizados para ressarcir o empréstimo. Normalmente, a amortização do empréstimo é realizada em prestações mensais e inclui o pagamento do capital e dos juros.

Montante Total Imputado ao Consumidor ou MTIC é o valor total que será imputador ao consumidor e inclui a soma do valor do crédito concedido, mais o valor dos juros e mais o valor das restantes despesas associadas (despesas, impostos, comissões, etc).

Taxa de esforço consiste na proporção do rendimento familiar destinada ao pagamento de empréstimos. O cálculo da taxa de esforço serve para apurar se o agregador conseguirá fazer face às responsabilidades assumidas com um novo crédito.

Antes de avançar definitivamente para a contratação de um crédito pessoal deve calcular a sua taxa de esforço. Este indicador mostra qual é a percentagem do rendimento de uma família canalizada para o pagamento das prestações de créditos.

Uma taxa de esforço demasiado alto significa que a família está a fazer um grande esforço para fazer face às suas despesas derivadas de empréstimos bancários.

Se os encargos resultantes de créditos bancários forem demasiado pesados, aumenta a probabilidade de surgirem problemas financeiros, principalmente se acontecerem situações inesperadas, como doença, acidente ou desemprego.

Utilize a nossa calculadora de taxa de esforço para ter uma melhor noção do peso da contratação de um crédito pessoal. À direita encontra uma tabela que demonstra o que significa cada resultado.

Faça a sua simulação, analise os resultados e tome a sua decisão de forma mais informada.

O seu pedido de crédito pessoal pode ser recusado por diversas razões, mas uma nega nem sempre deve ser vista como algo negativo. É importante que receba que receber um “não” pode acabar por ser algo positivo, que defende a sua estabilidade financeira.

Felizmente, o processo de avaliação dos pedidos de crédito é hoje mais rigoroso, por forma a evitar o aumento do crédito malparado e o endividamento das famílias.

Os principais motivos para que o seu pedido de crédito seja recusado incluem:

  • Incumprimento – se o seu nome está na Central de Responsabilidades de Crédito (CRC), vulgo lista negra do Banco de Portugal, como incumpridor, então é garantido que não conseguirá ter acesso ao crédito.
  • Taxa de Esforço Elevada – Se a sua taxa de esforço for muito elevada, ou seja, se a soma dos custos financeiros e outros custos essenciais desequilibrar o seu orçamento familiar, é provável que o seu pedido de crédito seja negado.
  • Demasiados Créditos – Se tiver demasiados créditos em diferentes instituições financeiras (por exemplo, 5 créditos espalhados por diversas instituições), poderá transmitir uma imagem negativa aos bancos. Estará a demonstrar uma grande propensão ao crédito e pouca capacidade de gestão do seu orçamento.

Escolher um crédito pessoal mais barato obriga a uma análise atenta de vários aspetos da proposta. Depois de proceder à necessária análise da sua condição financeira, para determinar se tem condições para avançar com a contratação do crédito, avalie os seguintes aspetos:

  • Montante do Empréstimo – Comece por determinar de quanto dinheiro precisa realmente e não peça mais do que necessita. Lembre-se que um crédito não é sinónimo de “dinheiro fácil” e que pedir um montante demasiado elevado pode fazer com que tenha dificuldades em proceder ao pagamento.
  • Prazo de Pagamento – O prazo de pagamento de um crédito é um parâmetro que merece sempre uma atenção especial. Evite prazos muito longos, uma vez que quanto mais tempo levar a pagar o crédito, mais são os juros que terá que pagar. Informe-se se existem penalizações por amortização antecipada, para que saiba se pode acabar de pagar o empréstimo mais cedo.
  • TAEG – A Taxa Anual Efetiva Global inclui todas as despesas associadas a um empréstimo, sendo por isso uma dos principais indicadores a observar quando se comparam diferentes opções de crédito.
  • Comissões – A maioria dos utilizadores não avalia com atenção os encargos relacionados com as despesas de aberturas e as comissões de manutenção de um crédito. Em alguns casos, estas despesas podem ser relativamente elevadas, encarecendo o valor do crédito.

2 Comments

  1. João Baptista Romão 01/06/2017 at 14:52 - Reply

    Gostaria de obter um empréstimo no valor de 6000€ para serem reembolsados em 36 meses. Sem nda mais

  2. João Ferdinando Gomes 13/05/2017 at 06:44 - Reply

    Muito bom

Leave A Comment